quinta-feira, 8 de março de 2012

Coração de Pedra - Último Capítulo


No dia seguinte, logo ao amanhecer, Juca e Matias foram tomar o café. Exaustos pelo dia anterior mal tinham disposição para ir ao colégio e além de tudo, já imaginavam que Elizabeth tinha espalhado por toda cidade que ambos eram gays e estavam juntos.

Com medo da reação de sua família, Matias pensava numa forma de esconder a verdade de seus pais, ou ao menos amenizar essa notícia, mas sabia que jamais entenderiam... Sem ter o que fazer, resolveu fazer um plano arriscado: fugir com Juca. Pois então Matias pegou algumas de suas roupas e as colocou em sua mochila, seguidamente pegou um dos carros de seu pai que estava parado na garagem e fugiu com Juca.

Os dois seguiam rota até a fronteira com o México, apenas queriam distância daquela cidade tão cruel e amargurada. Ainda nesse mesmo dia, os Luk voltaram de viagem e encontraram a casa vazia, logo notaram a bagunça por toda a casa, e a ausência de Matias. Desesperados logo avisaram todos policiais da cidade.

Enquanto os pais de Matias esperavam na delegacia da cidade, foram surpreendidos por Elizabeth que disse que tinha uma notícia para contar. Logo todos se voltaram para ela: "Bem, eu sei o que aconteceu com Matias, o Juca sequestrou-o, e eu sei onde eles estão". Mal imaginavam Juca e Matias, que Elizabeth tinha ouvido todo o plano pela manhã...

Sem pestanejar, logo mandaram viaturas atrás dos dois, que no caminho tinham parado em um posto para abastecer, e mal sabiam que já estavam sendo perseguidos... Restavam ainda cerca de 150 kms para a fronteira e como já estavam distantes de Oradour viajavam tranquilamente, até avistarem um carro policial pedindo para que ambos parassem no acostamento.

Receiosos quanto á isso, Matias decidiu acelerar ao invés de parar, mas parecia inevitável o fato dos policias os alcançarem... como tinha pouca experiência no volante, Matias acelerava o máximo que podia, até que num momento de distração, ao desviar de um carro na mesma faixa, perdeu o controle e bateu de frente com um caminhão que vinha em sentido oposto...

Depois disso, os dois prontamente ficaram desacordados, Matias só despertou dois dias depois num quarto no hospital. Logo notou sua mãe sentada na cadeira que ficava ao lado da cama. Sem hesitar, Matias perguntou onde estava Juca... E um silêncio ensurdecedor ecoou. Mais uma vez em voz alta Matias perguntou: "ONDE ESTÁ JUCA?" e logo sua mãe respondeu: "Ele está na UTI e os médicos disseram que ele tem poucos dias de vida".

Desesperado, Matias pediu para vê-lo, pedido negado por sua mãe. Mas como sempre foi mimado, Matias insistiu tanto até que ela cedesse. Chegando no quarto de Juca, Matias se deparou com ele deitado, e respirando por aparelhos... Então se aproximou da cama onde Juca estava deitado e lhe deu a mão.

Num esforço sobrenatural Juca acariciou a mão de Matias, e disse: "Independente do meu fim, espero que saiba, que independente do lugar que eu vá, ou coisa do tipo, tenha certeza, que vou esperar ansiosamente, todos os dias por você, eu te amo". Matias que mal conseguia falar por tanto chorar respondeu: "Eu te amo mais que tudo, e você é o único e eterno amor da minha vida."

Logo em seguida, os batimentos de Juca foram enfraquecendo, até o ponto que não existia mais pulsação alguma... Matias estava desconsolado por perder aquela pessoa que tanto amava, mas sabia, melhor do que ninguém, que aquela história não acabava ali, então, beijou Juca, num último gesto de afeto, e saiu do quarto, mesmo sabendo que seu coração permaneceria ali...

Se passaram alguns dias... semanas... anos... e Matias nunca conseguirá superar a perda do seu grande amor. Sua vida se baseava numa dura e triste solidão, agravada pelo preconceito de toda cidade quanto á sua sexualidade, mesmo assim, Matias, todos os dias antes de dormir, olhava pro céu e contava os dias para ver Juca algum dia. Ele não tinha mais nada, mas em seu coração ele carregava a mais linda das flores, o seu amor por Juca.

5 comentários:

  1. Otimo blog, tive q voltar tds os capitulos =D

    com ctz te visitarei mais vezes

    abs

    http://ofalsomendigo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Voltei novamente para ler o que tem aqui. Parabéns pelo lindo blog

    ResponderExcluir
  3. já ví alguns blogs que têm histórias parecidas

    http://rocknrollpost.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Muito bom o blog .. seguindo .. e já está na minha lista de blogs no meu ..

    ResponderExcluir
  5. Gostei da frase do blog "O que a gente pensa não precisa ser aceito, apenas respeitado."
    Seguindo!

    Me visita
    asaventurasdebilly.blogspot.com

    ResponderExcluir